quarta-feira, novembro 01, 2006

Este Blog é contra-indicado em caso de suspeita de Pânico

O Gerador de Improbabilidade Infinita é uma maquina única no mundo e esta sendo testada aqui no Brasil. Seu funcionamento é imensamente simples, arriscaria mais ainda a falar que é incomensuravelmente simples a ponto de um ser humano racional (como você ou eu) ter dificuldades para entender seu funcionamento.

Foi desenvolvida por um feliz acaso numa cidade da Inglaterra por um cientifico chamado Adams, cujas contribuições para este Guia de Autodefesa do Investidor das Galáxias são questionáveis, mas concretas. Seu único protótipo foi mantido em secredo durante as décadas da guerra fria até ser roubado da Coroa e transladado num cargueiro Chinês que contrabandeava Chá para a Amazônia.

Chegou ao Brasil por volta do 1992 e foi ligado quase que imediatamente. Seu principio básico é fazer acontecer todas as coisas, mesmo aquelas que são remota e infinitesimalmente improváveis. Ainda mais aquelas que são remotamente e definitivamente impossíveis de acontecer, acontecem.

Adams, no seu discurso de agradecimento por não ter ganhado o premio Novel, explicou: Se esta tal maquina é praticamente impossível então logicamente se trata de uma probabilidade finita. Logo para criar a maquina é só fazer o calculo da probabilidade alimentando os dados num computador XT de 12MHz. E aguardar o resultado enquanto esquentamos o Chá chinês contrabandeado.
Bill Gates foi o único a bater palmas.

Entendeu?

... Não?


Explicações das ultimas 4 eleições acontecidas no Brasil podem ser facilmente obtidas com este protótipo. Embora que todo mundo consegue dar uma explicação racional sem referir-se ao Gerador de Improbabilidades, e desta forma obter inúmeras respostas para uma única pergunta, termina levando a não obter nenhuma resposta.
Alguns anos atrás o Gerador foi levado em secreto para Argentina e ligado lá num canto da “Plaza de Mayo” camuflado como maquina de vender pipoca. Este fato aconteceu em 2001. E foi suficiente para deixar aos “hermanos” na lama.

Mas de alguma forma o Gerador voltou para este lado da fronteira e ficou esquecido, mas ligado, em um galpão da Base Alcântara.


E aqui nos encontramos nos, tentando ficar milionários mesmo que a probabilidade seja incomensuravelmente baixa. Talvez o Gerador de Improbabilidades nos ajude a ganhar a Mega Sena.


O ano esta perto do fim, e perto de um novo começo. Tempo de balanços e de reavaliações.
  • Não teve frango que pegou gripe (ainda) pese aos prognósticos cataclísmicos trazidos por boatos migratórios. A Perdigão (PRGA3) teve um ano medíocre em términos do preço da ação. Culpa da gripe e culpa dos embargos sanitários efetuados em massa contra o Brasil. Mas a estratégia de aproveitar as flutuações negativas comprando mais ações para aumentar a posição terminou alavancando lucros no portfolio.
  • A ComGas (CGAS5) sofreu com as crises da Bolívia. Lembrando que foram varias e todas relacionadas com o fornecimento do Gás, o preço do Gás e caramba Gás. Também castigada pelo mercado teve momentos em que a cotação esteve muito subvaluada. Consegui aproveitar comprando a 214r$ em Maio.
  • A GOL (GOLL4) teve uma boa decolagem, mesmo com o preço do Petróleo na faixa dos 60-70u$. Conseguiu ter um aumento no lucro de 98% segundo publicação do ultimo balanço trimestral. Mesmo atravessando a primeira grande crises da GOL, motivada pelo lamentável acidente do vôo 1907, seu resultado anual foi satisfatório.
  • A Porto Seguro (PSSA3), um foguete no portfolio. Consolidou a operação da Azul e continuo fiel a sua estratégia de crescimento. Excelente retorno!
  • América Latina Logística (ALL11) foi um cometa. Com as aquisição da Brasil Ferrovias consolidou sua posição na ferrovia brasileiras. O Brasil possui 23.000km de Ferrovias, dos quais 20.500km são da ALL.
  • LIGHT (LIGT3) não esta tendo o desempenho esperado. Por este motivo esta em observação e possivelmente termine saindo do portfolio e termine direcionando estes recursos para IdéiasNet (IDNT3).

As crises são muitas vezes excelentes oportunidades para comprar mais ações. Se você olhar para o horizonte da empresa, seus fundamentos, seu mercado e concorrentes. Comprar no meio de uma crise sempre tem trazido bons retornos para mim.

Não entre em Pânico!...


Nota: O portfolio publicado neste Blog é real. Ele não é sugerido, nem é virtual.
Todas as movimentações feitas são reais. Aclaro isto porque recebe vários email me perguntado sobre este assunto.

2 comentários:

Anônimo disse...

Gerador de improbabilidades ! Muito boa !

Parabéns pela carteira !

Abs
CHRistian

Mrui disse...

VC já segurou durante tanto tempo a Light, agora análisa a nova gestão da empresa, tem tudo para ser mais profissional que a antiga e conseguir melhores resultados.